junho 28, 2022

Acrílico: tudo o que você precisa saber

O acrílico é considerado o mais nobre dos plásticos, é transparente, resistente a intempéries e oferece excelente clareza óptica. As chapas de acrílico podem ser fabricadas de duas maneiras: método cast ou estrudado, tem boa aderência a adesivos e solventes e são fáceis de termoformar.

Termoformar: método de transformação de polímeros através do aquecimento de chapas termoplásticas, com moldagem por pressão positiva ou negativa.

Para que serve o acrílico?

Semelhante ao policarbonato, é indicado como alternativa ao vidro por ser resistente ao impacto. Foi produzido pela primeira vez em 1928 e levado ao mercado cinco anos depois pela Rohm and Haas. É considerado até hoje um dos plásticos mais transparentes do mercado. Outros plástico com boa transparência são: o PETG, Poliestireno e o Policarbonato.

A descoberta que levou diretamente ao desenvolvimento do plástico acrílico remonta a 1843. Quase 100 anos depois, em 1933, o nome comercial “Plexiglas” foi patenteado pelo químico alemão Otto Rohm. Nos tempos modernos, é produzido por um grande número de empresas, cada uma com seu próprio processo de produção e receita única. Os nomes comerciais incluem variantes bem conhecidas, como Plexiglas® da ELF Atochem ou Lucite® da DuPont.

Na segunda guerra mundial aconteceram as primeiras aplicações em periscópios submarinos, janelas de aeronaves, torres e coberturas.

O acrílico, atende uma variedade de aplicações onde a clareza natural e resistência ao impacto são fatores relevantes.

Alguns usos do acrílico mais comuns são:

Devido a clareza do acrílico, pode ser aplicado em janelas, tanques e redomas para exposições.

O Acrílico é tão translúcido quando o vidro

O acrílico apresenta a mesma translucidez do vidro embora esteja disponível no mercado em mais de 1000 variedades de cores (translúcidos ou não). O policarbonato também é encontrado em cores (menos do que o acrílico) e também apresenta boa transparência, uma diferença importante é que o acrílico é livre do bisfenol A (BPA), potencialmente prejudicial a saúde.

Características

O acrílico é classificado como um “termoplástico”, a classificação está relacionada à forma como o plástico responde ao calor. Uma propriedade útil importante dos termoplásticos é que eles podem ser aquecidos, resfriados e reaquecidos sem degradação significativa.

Termoplásticos podem ser reciclados e reaproveitados como material de segunda linha, através da liquefação e moldagem por injeção.

O acrílico é um plástico muito útil para aplicações onde a clareza é necessária e a alta resistência ao impacto não é um problema.

O acrílico é uma alternativa mais leve do que o vidro e mais econômico que policarbonato (média de 35%).

O acrílico pode ser cortado em formas extremamente finas usando a tecnologia de corte a laser porque o material evapora sob o impacto da energia do laser concentrada.

Como é feito?

A produção, como outros plásticos, começa destilando combustíveis de hidrocarbonetos em grupos mais leves chamados “frações”, alguns dos quais são combinados com outros catalisadores para produzir plásticos (geralmente por polimerização).

O acrílico pode ser fabricado em chapas de várias espessuras, tornando-o ideal para processos de fresamento ou torno. Geralmente há muitas cores de chapas para escolher. Chapas estão disponíveis em cores fluorescentes, chamados de “iluminação de borda”. Ao olhar diretamente para as chapas, a cor das folhas não é tão perceptível, mas a cor realmente aparece nas bordas, quase parecendo iluminada mesmo sem uma fonte de luz.

As peças usinadas a partir de materiais transparentes geralmente requerem polimento fino para remover marcas de ferramentas e restaurar totalmente as propriedades transparentes. As chapas podem ser facilmente aquecidas e moldadas na forma desejada. A dobra simples pode ser feita aquecendo o ponto de dobra com um aquecedor de fio. Outra alternativa é o aquecimento total da chapa e dobrada ou forçada na forma desejada. As peças feitas de vários pedaços são unidas usando cola para acrílico e formam juntas pouco visíveis.

Posts relacionados