outubro 15, 2021

O que é o acrílico? História do plástico mais nobre do mercado

O acrílico é um homopolímero termoplástico; é transparente, flexível, resistente e maleável, considerado o plástico mais  nobre do mercado. Desenvolvido em 1928 e lançado no mercado cinco anos depois pela Rohm and Haas Company. O acrílico considerado um dos plásticos mais transparentes do mercado.

As primeiras aplicações aconteceram na Segunda Guerra Mundial, quando foi usado em periscópios de submarinos, bem como janelas de aviões, torres e tetos de aeronaves. Os aviadores cujos olhos foram feridos devido a cacos de acrílico quebrado se saíram muito melhor do que aqueles afetados por cacos de vidro estilhaçado.

O acrílico na era moderna e em geral é usado para uma variedade de aplicações que normalmente aproveitam a transparência natural e a resistência ao impacto. Os usos comuns incluem peças técnicas em acrílico, comunicação visual, móveis e diversos outros, confira as possibilidades aqui.

Embora sejam disponibilizados comercialmente em uma variedade de cores (translúcidos ou não), a matéria-prima permite a transmissão interna de luz quase na mesma capacidade do vidro, com até 93% de transparência. É muito parecido com policarbonato.

Algumas das principais diferenças incluem o fato de que o acrílico não contém a substância potencialmente prejudicial bisfenol-A (BPA) e o policarbonato possui maior resistência ao impacto.

Leia também: 5 principais setores que usam o acrílico

Principais características do Acrílico

Classificado como “termoplástico” (em oposição a “termofixo”), e o nome tem a ver com a forma como o plástico responde ao calor. Os materiais termoplásticos tornam-se líquidos em seu ponto de fusão (160 graus Celsius no caso do acrílico). Um atributo útil importante sobre os termoplásticos é que eles podem ser aquecidos até seu ponto de fusão, resfriados e reaquecidos novamente sem degradação significativa. Em vez de queimar, termoplásticos como o acrílico se liquefazem, o que permite que sejam facilmente moldados por injeção e posteriormente reciclados.

Em contraste, os plásticos termofixos podem ser aquecidos apenas uma vez (normalmente durante o processo de moldagem por injeção). O primeiro aquecimento faz com que os materiais termofixos endureçam (semelhante a um epóxi de 2 partes), resultando em uma mudança química que não pode ser revertida.

Principais vantagens

  • Transparência;
  • Resistência (a quebra, calor e química);
  • Leveza;
  • Maleabilidade.

Como é fabricado?

 O acrílico, como outros plásticos, começa com a destilação de combustíveis de hidrocarbonetos em grupos mais leves chamados de “frações”, algumas das quais combinadas com outros catalisadores para produzir plásticos (normalmente por meio de polimerização).

Especificações

  • Nome Técnico – Acrílico (PMMA);
  • Fórmula química – (C5H8O2);
  • Temperatura de fusão – 130 ° C (266 ° F);
  • Temperatura típica do molde de injeção – 79-107 ° C (175-225 ° F);
  • Temperatura de Deflexão Térmica (HDT) – 95 ° C (203 ° F) a 0,46 MPa (66 PSI);
  • Resistência à tração – 65 MPa (9400 PSI);
  • Resistência a flexão – 90 MPa (13000 PSI);
  • Gravidade Específica – 1,18;
  • Taxa de redução – 0,2 – 1% (0,002 – 0,01 pol. / Pol.)

 

 

Posts relacionados